Blog Post

Últimas do blog
16 Agosto 2013

Aniversário da Rainha do Pop

Hoje é o dia da Rainha do Pop celebrar seu aniversário. São 55 anos de muita arte, muitas polêmicas e sucessos espalhados pelo mundo inteiro. Madonna Louise Ciccone, uma jovenzinha nascida no estado de Michigan que se tornou uma mulher ícone cultural. Ela é a artista feminina mais bem sucedida de todos os tempos. Na lista da Billboard ela fica atrás apenas dos Beatles.

Madonna talvez seja a única diva de verdade neste planeta, mesmo sem possuir uma voz potente e virtuosa. Ela compensou isso com seu carisma, suas inovações estéticas e com sua capacidade de gerar debates críticos. Ela não foi só um rostinho e um corpinho bonito na MTV. Essa loira incomodou durante décadas os mais diversos reacionários do mundo e ainda fez isso promovendo seu trabalho e ganhando muito dinheiro. Uma diva de verdade e que ainda compõe a maior parte do repertório que apresenta para seu vasto público.

Na minha pesquisa para este post eu consegui um dado muito significativo. Acompanhem: O disco que menos vendeu na carreira da Madonna foi o álbum “American Life” de 2003. Na época o “11 de Setembro” estava recente na memória da população americana e as músicas do disco fazem duras críticas ao militarismo do governo dos EUA. O resultado é que o disco da diva vendeu “apenas” 4 milhões de cópias.

É muito engraçado quando comparamos essa informação com dado do disco brasileiro que mais vendeu na história. O álbum em questão é o “Músicas para Louvar o Senhor” do Padre Marcelo Rossi, lançado em 1998, que vendeu pouco mais de 3 milhões de cópias. Esse é o recorde brasileiro e se compara somente à pior vendagem da Madonna. Incrível isso né?!

Bom, eu acabei tocando no tema religioso ao analisar os dados numéricos da indústria fonográfica, mas esse tema tem tudo a ver com a Madonna. Ela teve muitos problemas com religiosos de todo o mundo. Quando ela lançou o clipe da música “Like a Prayer”, em 1989, gerou um alvoroço internacional tanto que o Papa João Paulo II, considerado carismático e liberal como o Papa argentino de hoje, incentivou os fiéis a boicotarem os shows da cantora. No vídeo aparece um Santo Negro como protagonista e Madonna apresenta diversas cenas com insinuações sexuais usando os símbolos do catolicismo.

Além desse conteúdo forte e polêmico do clipe, a canção “Like a Prayer” é maravilhosa, tem uma melodia muito linda e não por acaso ficou no topo das paradas mundiais. Outro momento marcante e intenso na carreira de Madonna foi justamente a performance da música “Like a Virgin” na premiação da MTV em 1986. Até hoje a masturbação feminina é um tabu na sociedade. Graças à Madonna avançamos um pouco nesse quesito.

Ela chocou o mundo quando cantou numa das mais importantes premiações da indústria musical insinuando gestos eróticos e com um vestido de noiva. Ela foi assunto em muitas conversas. Inclusive o diretor de cinema Quentin Tarantino tem teorias interessantes sobre a canção “Like a Virgin”. Hoje, Madonna adota uma postura mais serena, mas não perdeu sua capacidade de inovar. Ela ainda é uma referência na música e nas atitudes. O que vemos acontecendo na “Marcha das Vadias” atualmente é algo que a Madonna já fazia nos anos 80. Ela é precursora em muita coisa meus caros e minhas caras.

Vou encerrar o post com uma citação dessa incrível mulher e desejar uma ótima celebração para a Rainha do Pop. “Music makes the people come together”

Boa semana à todos
Iano Fázio

Imagens dos sites:

http://blogs.diariodepernambuco.com.br/mdnatour/

http://www.therichest.com/nation/madonna-biography-the-queen-of-music/

http://www.blogstars.com.br/selo/selo03.asp

http://festapoparty.blogspot.com.br/2012/03/onde-esta-molly.html

Deixe um Comentário

O Último Anjo // ETNO - As 7 Fronteiras
  1. O Último Anjo // ETNO - As 7 Fronteiras
  2. Diário da Morte // ETNO - As 7 Fronteiras
  3. Sétima Fronteira // ETNO - As 7 Fronteiras
  4. SobreViver // ETNO - As 7 Fronteiras