Blog Post

Últimas do blog
22 Novembro 2013

50 anos sem Kennedy

No dia 22 de novembro de 1963 o então presidente dos EUA John Fitzgerald Kennedy é assassinado enquanto estava fazendo campanha para sua reeleição. Tudo aconteceu na cidade texana de Dallas e o presidente estava num carro conversível acenando para o público que prestigiava sua aparição. É um dos casos mais misteriosos envolvendo a morte de presidentes e, claro, existe uma vasta coleção de livros e filmes que falam sobre o trágico episódio da politica estadunidense. Provavelmente a sua morte seja mais famosa que os próprios feitos de sua brilhante carreira política.

A história da vida de Kennedy não é uma história de tanta superação e sim uma história de alguém que soube aproveitar bem as oportunidades que teve. Seu pai Joseph Kennedy foi um rico empresário e foi também embaixador americano por algum tempo. A condição financeira familiar propiciou que o jovem Kennedy estudasse em ótimas universidades. Ele fez, por exemplo, doutorado em Relações Internacionais na famosa Universidade de Harvard.

O engraçado é que o próprio John Kennedy se tornou um dos nomes mais citados no estudo das Relações Internacionais. Isso porque o seu curto mandato como presidente ocorreu em um período crítico da Guerra Fria. A Corrida Espacial e a Crise dos Mísseis são momentos marcantes do período Kennedy. Nunca a humanidade teve tanta obsessão para chegar ao espaço e nunca estivemos tão próximos de uma Guerra Nuclear.

O Homem só chegou à Lua em 1969, seis anos após a morte de Kennedy, mas foi ele que definiu como meta política a idéia de enviar um ser humano à Lua e ela já havia iniciado os projetos e negociações para realizar o feito. Ainda há teorias da conspiração questionando se isso realmente aconteceu naquela época ou não.

Quanto à Crise dos Misseis cabe dizer que foi um dos momentos mais tensos da história humana. A União Soviética posicionou secretamente uma base militar com lançadores de mísseis na ilha de Cuba, muito próximo dos EUA. Muitos generais americanos pediram uma retaliação instantânea, mas felizmente houve uma das mais importantes negociações diplomáticas entre Kennedy e Nikita Khrushchev. No fim os mísseis foram retirados de Cuba com a garantia de que os EUA não poderiam invadir a ilha em momento algum.

O que poucos sabem sobre esse famoso presidente dos EUA é que ele serviu a Marinha americana durante a segunda Guerra Mundial e isso acabou sendo definitivo na sua carreira política. Kennedy ficou conhecido durante a Guerra por ser o comandante do barco PT-109 na área do Pacífico Sul. Um determinado dia seu barco foi atingido por um Destroier japonês enquanto realizavam o reconhecimento de uma área. Kennedy conseguiu resgatar vários de seus companheiros e a tripulação do barco conseguiu nadar até uma ilha próxima. Essa façanha lhe concedeu a fama de herói de guerra e assim iniciou a vida pública como deputado de Massachusetts quando retornou dos campos de batalha.

50 anos se passaram e a morte desse enigmático presidente continua um mistério. O que se sabe é que ele foi trollado em Dallas (rsrsrsrsrs). E foi aos olhos do mundo inteiro que assistia o desfile pela televisão. O principal acusado do crime, Lee Oswald, foi preso e morto poucos dias depois. Além da sua morte há também dúvidas sobre seus casos extraconjugais. Muitos cogitam a possibilidade de que o presidente Kennedy tenha tido um caso com Marilyn Monroe, mas isso é também outro mistério…

Boa semana à todos
Iano Fázio

 

Imagens de Wikipédia

Deixe um Comentário

O Último Anjo // ETNO - As 7 Fronteiras
  1. O Último Anjo // ETNO - As 7 Fronteiras
  2. Diário da Morte // ETNO - As 7 Fronteiras
  3. Sétima Fronteira // ETNO - As 7 Fronteiras
  4. SobreViver // ETNO - As 7 Fronteiras